Seguidores

segunda-feira, 23 de abril de 2012

Deixem o futebol... no futebol

É sempre assim: entrevista de celebridade não ligada ao esporte - de repente fala sobre futebol. Há novela sobre futebol. Filme sobre futebol. Num site de humor, lá está o futebol. Clipe musical: Futebol! Propaganda de banco? Futebol! De TV por assinatura? Lá está o futebol! Dia de santo? Futebol, É futebol, futebol e futebol em todos os setores da sociedade, sobretudo os setores que nada tem a ver com o tal esporte.

Isso não enche o saco, não? É incrível como a sociedade não consegue se enjoar de um esporte tão insistentemente martelado na cabeça de todo mundo através de uma avalanche de referenciais ao mesmo batido esporte. Brasileiro não gosta de variar, não?

E quem não gosta? Aqueles que procuram fugir da maçante martelada futebolística assistindo a outras coisas e de repente, aparece uma referência ao futebol, algo de que eles estavam tentando fugir.

Sabe de uma coisa? Deixe o futebol limitado aos 90 minutos de um joguinho. E só. Reserve apenas para aqueles que se matam pelo esporte ficarem alucinados durante uma partida de algum campeonato.

Futebol foi feito apenas para quem gosta e obrigar todos os brasileiros a aturarem esse esporte, só porque ele representa a nossa "auto-estima" (que cá pra nós anda muuuito baixa) é algo que nada combina com a democracia em que vivemos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.